Antes de plantar uma sebe, devemos planificar desde o início como o queremos fazê-lo, assim, teremos êxito.

As sebes e as vedações vegetais podem ser não só funcionais — oferecem privacidade ao jardim e à parcela — também podem ser esteticamente belas, dão vida, movimento e elegância ao lugar onde são plantadas.

Delimitam os espaços e criam barreiras visuais. Além disso, encarregam-se de reduzir o ruído, a poeira da cidade, dos carros e também minimizam o vento que chega ao nosso jardim.

As sebes fornecem proteção e segurança quando já estão bem formadas e, para tal, poderá escolher espécies com um grande poder de repelência a animais e pessoas não convidadas a entrar. O exemplo mais comum é a vegetação com espinhas.

Falando de aspeto ornamental, as sebes podem ter diversas formas.

Toleram as podas retangulares, o que dá uma sensação de ordem e elegância ao jardim. Mas também se podem utilizar plantas de crescimento livre, como é o caso do formio (Phormium tenax ), espécie (também conhecida como cânhamo-da-nova-zelândia) que não necessita de ser podada e que oferece um aspeto mais natural ao jardim.

Outras sebes disponíveis são os denominados “baixos”. Estes são ideais para delimitar caminhos e separar espaços no jardim, sem ocultar as vistas.

Simplesmente cumprem a função de criar interesse ao espaço.

Se escolher bem a espécie de planta que for utilizar e conhece com exatidão como se plantam, como se faz a sua manutenção ou como se realiza a poda, o êxito das suas vedações está garantido.

Recorde-se:

A principal função de uma sebe é dar privacidade, manter as vistas da casa, dos espaços comuns do jardim e fazer afugentar os olhares dos curiosos.

sebe
sebe e banco de jardim para descansar

Como escolher as espécies que vão ser usadas como sebe?

Alguns conselhos para escolher a espécie vegetal que cumpra com a função de ocultar o mais rapidamente possível são:

vedação vegetal e relvado
vedação vegetal e relvado

Observar a quantidade de luz

Se pretende que as suas sebes cresçam de maneira uniforme e que todas as plantas que formam o conjunto se desenvolvam em simultâneo, a quantidade de luz que recebem deve ser a mesma. O ideal é que sejam muitas horas, já que quanto mais sol, mais rápido crescerão.

Mas tenha cuidado com os excessos.

Há plantas que não toleram grandes doses de luz, de facto, muitas delas acabam por queimar-se. O melhor é que antes de plantar alguma espécie, se assegure da necessidade que tem de luz.

caminho com sebes
caminho com sebes

Escolher as espécies corretamente

Como já vimos acima, o que plantar depende fundamentalmente da circunstância.

Tudo dependerá do espaço disponível no jardim, do tempo que tiver para esperar para que formem o tal ‘muro’ verde, se terão ou não rega, ou com que tamanho vão ficar no futuro.

Assim, deve escolher a espécie que melhor se coaduna.

sebes
sebes

Adubamento e rega

Se quando plantar a sebe cuidar da terra o melhor possível e se, além disso, fizer um adubamento ou fertilização com matéria orgânica (húmus de minhocas, estrume, guano), estará a ajudar a que o sistema radicular da planta se desenvolva adequadamente.

Por conseguinte, um bom desenvolvimento radicular traduz-se nuns resultados muito positivos no crescimento da sebe.

A rega também é fundamental.

Um aumento da quantidade de água impedirá que as suas plantas sofram de ‘stress’ hídrico, o que seria fatal para o crescimento delas.

Mais adiante, quando a vegetação já tiver um par de meses no seu sítio, pode adicionar adubo químico (NPK) anualmente, mas sempre seguindo o conselho de um profissional.

sebe
sebe – close up

Poda correta dos rebentos terminais

Logo após a plantação, pode podar os rebentos terminais das plantas, ou seja, os que saem da parte de cima da sebe. Com isto incrementará o crescimento dos rebentos laterais e horizontais, o que ajudará a que a sua sebe se feche o quanto antes.

É recomendável repetir esta poda nas épocas em que o desenvolvimento da vegetação se acelera (meados da primavera, princípio do verão).

IMPORTANTE
Plantar as plantas com pouco espaço entre elas com a intenção de diminuir o tempo de fecho da sebe não é uma boa ideia. Pelo contrário. A curto prazo é possível que obtenha o resultado que pretende, mas, no entanto, a longo prazo isto implica uma grande dor de cabeça.

Nem todas as espécies têm o mesmo porte, por isso, conhecer a forma de crescimento de cada uma delas é fundamental.

A beleza de uma vedação vegetal bem formada reside em conseguir uma uniformidade entre todas as sebes e todas as plantas do canteiro. Conseguir que todas elas cresçam de forma uniforme e sã é algo que deve perseguir a todo o custo.

O que lhe aconselho é que as trate por igual, ou seja, que lhes proporcione um tratamento igualitário (regas, fertilização, substrato, etc.) Se a uma das plantas falta-lhe um destes elementos, o desenvolvimento ver-se-á negativamente afetado, o que derivará num efeito final desigual da vedação.

topiaria sebes
topiaria sebes

Formas de plantação

Ao plantar as suas sebes, faça o seguinte:

  • Uma única vala para todas as plantas que irão formar a futura vedação.
  • Um orifício para cada planta que dará forma à sebe.
  • Orifícios intercalados em ziguezague (consome o dobro de plantas e meios ao plantar, mas obterá o resultado que procura em menos tempo).
podar sebes
podar sebes

Tipos de poda necessárias

Como já deve saber, existem diversos tipos de poda que se levam a cabo de acordo com o objetivo e o estado em que se encontra a sebe. As que deve conhecer são as seguintes:

  • Poda de limpeza: realiza-se uma vez ao ano, para retirar os ramos secos e mal formados. Esta eliminação ajuda a evitar as possíveis doenças ou pragas que possam aparecer como consequência do mau estado da sebe.
  • Poda de formação: é a que procura dar a forma que queremos à sebe.
  • Poda de rebentos terminais novos: ideal para estimular o crescimento dos ramos mais baixos e inferiores da planta.

Quando quer uma sebe bonita, a paciência é fundamental. Durante o primeiro ano de vida da planta, o crescimento costuma estar nas raízes, pelo que, ainda que não o vejamos a olho nu, a nossa sebe está em processo de crescimento.

Tenha paciência e seguramente verá os seus esforços recompensados.

Sumário
Sebes e vedações vegetais, perfeitas para delimitar e decorar o jardim
Nome do Artigo
Sebes e vedações vegetais, perfeitas para delimitar e decorar o jardim
Descrição
Artigo de Monique Briones - A Paisagista- em que nos mostra as funções principais das sebes e vedações vegetais do jardim.
Autor
Nome do Editor
TudoHusqvarna
Logo do Editor