Novo artigo de jardinagem em que lhe vamos mostrar o que é o guano.

É o nome que se dá a um substrato ecológico de origem natural e animal. Com múltiplos benefícios, é um substrato muito cotado devido Às suas inúmeras propriedades.

Neste post vamos mostrar o que é o guano, quais são os seus usos mais importantes, os seus benefícios e onde o pode encontrar.

Vamos lá então.

Que é o guano? Quais são as suas características?

Se é amante da jardinagem, deve saber que, ao cuidar de uma planta, podem-se usar dois tipos principais de adubo: químico e orgânico.

Dentro destes últimos, encontra-se um dos mais populares quando se tem que adubar um cultivo: o composto. Esta substância obtém-se da decomposição da matéria orgânica (restos de comida, excrementos de animais, etc.).

O composto é um material ecológico totalmente natural.

Ora, o nosso protagonista de hoje, o guano, é um substrato natural, de origem animal e proveniente dos excrementos de aves marinhas, morcegos e focas.

Como adubo, este é muito eficiente – tudo se deve aos seus três componentes principais: nitrogénio, fósforo e potássio.

O guano é um fertilizante totalmente natural, sem nenhum tipo de aditivo nem componente químico. É costume ser usado para melhorar a fertilidade do solo, pois faz aumentar a quantidade de microorganismos e de nutrientes de que necessitam as plantas para se enraizar e crescer.

guano - ilhotas
guano – ilhotas

Usos e benefícios do guano

O guano pode ser usado em todo o tipo de hortos e plantações, desde as mais pequenas até aos cultivos mais grandes. É o adubo natural ideal para todas as plantas.

Este material, além de ajudar a regenerar o solo e aumentar a quantidade de nutrientes da terra, possui propriedades fungicidas, o que manterá afastadas numerosas pragas e doenças (como por exemplo os nemátodos).

Os seus três componentes mais importantes (nitrogénio, fósforo e potássio) junto com elementos secundários e micro elementos, fazem com que o guano seja um fertilizante natural muito completo , que ajudará a obter boas colheitas e produtos de qualidade.

Quanto aos seus benefícios…

Os benefícios e vantagens que obterá se utilizar o guano como substrato ou adubo são os seguintes:

  • Regeneração do terreno
  • Possui propriedades fungicidas e nematicídas, o que ajudará a evitar o aparecimento de pestes ou doenças.
  • Contém fungos e bactérias que ajudam a criar um espaço em que as plantas estarão nutridas e mais resistentes.
  • É um excelente fertilizante.
guano - aves marinhas
guano – aves marinhas

Onde se encontra?

O guano não é um material que se possa encontrar em todas as regiões do planeta. Pelo contrário.

Atualmente, as maiores reservas deste substrato barato e agora de novo procurado devido ao ressurgir da agricultura biológica estão nas zonas costeiras e ilhas ao largo do Peru e do Chile. Nesta região habitam as 3 aves cujos excrementos são os mais habituais na sua formação: corvo-marinho, alcatraz e pelicano.

O guano é recolhido uma vez ao ano em algumas das 22 ilhas ao largo da costa peruana.

Mas porquê Peru e norte do Chile?

A resposta está nas condições do mar. O Oceano Pacífico que banha esta costa cria um clima seco onde a corrente marinha arrasta os alimentos até às áreas em que se encontram os peixes que servem de alimento a essas aves marinhas.

A facilidade para encontrar estes alimentos faz com que estas aves nidifiquem nas ilhas e, por conseguinte, depositem os seus excrementos na terra. Além disso, a ajuda do Sol é fundamental para obter guano.

Como se recolhe?

Regularmente, desembarcam nas ilhas um grupo de pessoas que se dedicam a raspar as rochas, triturando os restos até conseguir um pó. Este é ensacado e posteriormente vendido como guano de grande qualidade.

Não é uma tarefa fácil.

guano - mineração
guano – mineração

Quando e como devemos aplicar o guano?

A melhor época para aplicar o guano nos seus cultivos dependerá do tipo de vegetação que tiver plantado. Quanto a isso, tenha em conta:

  • Se o que pretende adubar é um jardim em que existam árvores, arbustos, parterres, plantas com flor, etc., comece com a aplicação no início da primavera. Repita o processo a cada mês e meio aproximadamente.
  • Se a sua plantação é um horto, o ideal é fazê-lo a cada 4 semanas e começar em março.

No geral, o período ideal de fornecimento de guano é o que abarca os meses de março a agosto. Mas, se decidiu adubar nos meses restantes, não se preocupe, também obterá bons resultados.

Janeiro Fevereiro Março Abril
Maio Junho Julho Agosto
Setembro Outubro Novembro Dezembro

Período correto Período ideal

O guano (tanto o das aves como o dos morcegos) costuma ser um pó, pelo que a melhor forma de o aplicar é à colher. Duas colheradas por vaso é mais que suficiente.

De todas as formas, recomendamos que, caso tenha alguma dúvida, o melhor é ler com atenção as instruções da embalagem ou ir a um centro de jardinagem especializado para aconselhamento quanto à forma de aplicar o guano.

Esperamos que este artigo lhe sirva para conhecer um pouco mais sobre o guano e de onde procede.

Sumário
Guano, o substrato natural de origem animal
Nome do Artigo
Guano, o substrato natural de origem animal
Descrição
O guano é um substrato de origem animal que provem das fezes de morcegos ou aves marinhas. Neste novo artigo ficará a conhecer o que é o guano, para que se usa, onde se encontra e como se deve aplicar.
Autor
Nome do Editor
TudoHusqvarna
Logo do Editor